Rainbow Pinwheel Pointer

sábado, 14 de novembro de 2015

Tower of Thorns

Blackthorne e Grim, vão até Bann, pois foi solicitada a presença desta mulher sábia, para tentar pôr um fim a uma maldição que assolava a vila em questão...um monstro uivante. Gostava de vos poder  contar mais, mas não há, é só isto.

O que posso dizer???' Não gostei, detesto os personagens, um livro que deixa qualquer um com uma enorme depressão. A escrita é bonita, como todos sabemos, mas a história não vale nada. Grim , um gigante atrasado  mental, que segue Blackthorne como um cão e não tem vontade própria.  Blackthorne, uma mulher sábia sempre azeda e mal disposta, sem um pingo de bondade ou gentileza para com ninguém. Faz o faz porque fez um trato com um 'fey'. A estrutura é fraca, a autora repete-se vezes sem conta, com a tal vingança a Mathuin, o homem que matou a famíla de Blackthorne , parecendo quase obssessiva. Um daqueles livros, que o leitor já está a adivinhar o desfecho, pois um dos personagens conta a história da tal maldição. Não há romance, não há ação, somente gente azeda e mal disposta, mesmo os personagens secundários, enfim, o pior livro da autora. 3 estrelas pela escrita, senão, seriam 2 estrelas.

Sem comentários:

Enviar um comentário