Rainbow Pinwheel Pointer

sábado, 18 de julho de 2015

Que Esperam os Macacos

Uma jovem estudante é encontrada assassinada numa floresta perto de Argel. A inspectora Nora Bilal fica encarregue da investigação. 
A morte da jovem é o levantar de um véu onde se escondem segredos do passado, segredos do presente. Esta morte irá desencadear acontecimentos vários: traição, chantagem, suicídio. 

Ao contrário de Cada Dia é Um Milagre, este livro anda longe da escrita maravilhosa do autor. Uma história extremamente violenta, com uma escrita muito simples e básica. Este livro é um autêntico 'banho de sangue'. O leitor tem a sensação de que começou a ler algures no meio e não no início, o ritmo da narrativa é muito rápido e para ser sincera o desenrolar da história é previsível. Tal como não houve início, também não houve fim, este livro é um retrato da realidade, que certos países do Norte de África, vivem dia a dia. A história não me cativou. 3 estrelas pela 'veracidade' dos factos.

1 comentário:

  1. Ois

    A minha mais recente leitura, gostei acima de tudo ficamos com o retrato do que muitos paises africanos são na sua realidade ;)

    Bjs

    ResponderEliminar