Rainbow Pinwheel Pointer

sábado, 26 de março de 2016

Glass Sword

Mare Barrow e os rebeldes escaparam pelo comboio subterrâneo, vão agora tentar refazer as defesas e reaver os restantes novos-sangue.Chegam finalmente ao santuário, mas será que estão em segurança??

Foi uma sequela Fabulosa, cheia de ação e mistério, a autora provou que é uma excelente contadora de histórias, elevando a fasquia deste segundo livro. A escrita é bonita e tem qualidade. A introdução de novos personagens com novas habilidades é brilhante, contudo...preparem-se leitoras, para chorarem lágrimas amargas...:(.

O ritmo continua rápido, e as surpresas sucedem-se, o ponto alto é o fim do livro, que me deixou de rastos, até 'tou' admirada de não me ter dado um enfarte. A sério, não leiam pah, vão ficar de rastos ....no mínimo.
O personagem Maven, é diabólico, mas é o meu favorito (goooo Maven), pronto é desta que me matam. Não posso adiantar mais nada. 5 estrelas ( pois não posso dar mais)


3 comentários:

  1. Elsa, tu nem me digas nada! Eu estou passada! Aquele final!
    E agora?! T.T
    Vamos ter um ano de espera para saber o que vai acontecer a seguir. Só sei que isto está muito bom!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu estou Passada, quero ir ao site da autora e perguntar se aquilo é final que se apresente. Noooo, Shade, e todos os outros. Mas a morte da Rainha Elara foi brutal, foi para compensar. A sério pah, então ela mata o Shade, não aceito ��

      Eliminar
    2. Que nervooos, podes crer! O Shade então... "Ressuscita" para depois ser morto de verdade. Que cruel!
      E ao menos isso, a Rainha Elara já era, mas claro que isso foi espicaçar o demónio do Maven...

      Eliminar